quinta-feira, 13 de maio de 2010

À BEIRA DO SOL VAI HIBERNAR







Por razões que a razão desconhece (mas eu não), este espaço vai hibernar durante dois meses e meio, a partir de hoje, dia 13 de Maio de 2010, dia de Nossa Senhora de Fátima.

É assim que vou deixar de massacrar as mentes de todos aqueles que ainda perdem tempo comigo.

Não é uma despedida total, pois em Agosto voltarei, por ventura com mais tempo e com mais calma. (esta talvez não seja uma boa notícia para os/as blogistas)

Quero deixar uma palavra de apreço e de amizade a todos os que provaram ter uma paciência de santo, visitando-me sem que eu os visite a eles. Sei até que mal-educado tenho sido pois nem resposta costumo dar aos comentários que me têm feito.

A verdade é que aqueles que cá deixam a marca da sua passagem, sabem que mesmo assim, podem contar comigo e que a amizade, mesmo virtual, não morre. Particularmente quando a damos sem nada pedir em troca.

Por isso tenho tido a felicidade de manter meia dúzia de “amigos/as”, que nunca duvidaram em me visitar e isso tem-me marcado de forma especial.

Obrigado amigos/as. Bem hajam.









Nota:

A todos os que me têm aturado deixo um prémio que poderão colher e levar para os vossos espaços, pois os vossos blogs e os vossos corações são mesmo de ouro.

Até Agosto.

António Inglês


5 comentários:

São disse...

Tonico, espero que esta ausência seja por bons motivos ( como, por exemplo, mudança de residência para o Minho, rrss).

E nem te atrevas a não regressar em Agosto!

Desejo que fiques bem com a tua família, sempre.

Um grande abraço para ti, já com saudades.

São.

Maria disse...

Nesta época não sei se podemos dizer "hibernar". Talvez 'veranear' para outros sítios, ou ficar por aí...
Volta, então, em Agosto. Espero-te.

Um beijo, António.

gaivota disse...

ohhhhh
fica bem, e descansem nessa hibernação!
beijinhos

Fatima disse...

António também tenho andado arredada dos blogs. O tempo e a doença daquela familiar de que falámos o ano passado no jardim, não me deu minutos para fazer comentários.
Agora que esse herói partiu, já me sobra o tempo.

Talvez nos encontremos em Agosto nas loiças....

Grande abraço para vocês

Brancamar disse...

Ah, António, eu também só vou passando de longe a longe, o tempo é cada vez mais escasso, a idade também não ajuda, ahahah, sabes como é, vai-se ficando mais lento...mas eu acho que vou ficar contente com esta tua ausência, se fôr para mudar para onde eu penso, talvez seja uma oportunidade de te ver finalmente e à tua família.
Beijinhos
Branca

P.S. Obrigada pelo presente, não sei se o mereço, vou levá-lo e logo que tenha um bocadinho ponho lá no meu slide, no fundo, onde já tenho muitas coisas tuas desde a primeira hora, para recordar, sempre.
O facto de ficar no slide não quer dizer menor importância, fica junto de todos os amigos, é só porque não me sinto muito bem a pôr em destaque estes elogios imerecidos e o que importa é que estão lá para eu recordar.