segunda-feira, 26 de outubro de 2009

ESTA VEM DA CIDADE DE DUNDEE NA ESCÓCIA





Casal de obesos perde a guarda dos sete filhos

Um casal obeso perdeu a guarda dos seus sete filhos, na cidade de Dundee, na Escócia, por, segundo os assistentes sociais, colocar em risco o bem-estar das crianças.

A maior parte das sete crianças - a mais nova tem poucas semanas e a mais velha 13 anos - também está acima do peso normal.

Segundo as assistentes sociais, os pais não têm condições de criar os seus filhos de forma saudável. Os pais já haviam perdido a guarda de duas das sete crianças, este ano.

A mãe, de 40 anos, pesa 145 quilogramas, e o pai, de 53 anos, 115 quilogramas. Segundo as autoridades, os nomes dos pais não foram revelados para proteger a identidade das crianças.

Segundo um porta-voz da Câmara de Dundee, o peso das crianças não foi o único motivo a ditar a decisão de retirar a guarda das crianças. No entanto, não revelou mais detalhes sobre o assunto.

Em entrevista ao jornal britânico "The Times", o pai da família disse que todos estão "de coração partido". "Eu não consigo dormir, nem consigo comer. As crianças também estão arrasadas".

JN

Foto da Net

GOLDFINGER



3 comentários:

São disse...

Só falta aplicar a pena de morte por execesso de peso! Vergonhoso!


Venho agradecer-te a solidariedade que deixaste expressa à família de João Banza, pois ele era o filho mais novo de uma minha prima direita.

Bem hajas!

elvira carvalho disse...

Nem sei que dizer. Antigamente gente gorda era gente feliz, hoje são tão maléficos que nem podem cuidar dos filhos?
Para onde caminha a humanidade?
Um abraço e uma boa semana

gaivota disse...

já estou como diz a nossa amiga elvira... antigamente "gortura é formusura!" mas também é verdade que as gorduras antigamente eram menos preocupantes no que respeita à saúde! mas estes exageros, antónio, têm que vir destes países dito mais "evoluídos"
ajudem a tratar as situações perigosas, isso sim!
beijinhos