quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

EU NÃO DIZIA ???



Terceira Travessia do Tejo: Quercus vai avançar com queixa à Comissão Europeia

Associação lamenta que Governo estimule a entrada de mais veículos em Lisboa

A Quercus – Associação Nacional da Conservação da Natureza anunciou hoje que vai enviar uma queixa formal ao comissário europeu do Ambiente porque, diz, a decisão governamental de autorizar a terceira travessia sobre o Tejo – que prevê a componente rodoviária e ferroviária – implica o incumprimento da legislação comunitária. O projecto vai estimular a entrada de mais veículos em Lisboa, lamenta a associação em comunicado.

A Quercus critica também aspectos processuais, nomeadamente o facto de ter sido tomada uma decisão sem que se contemplasse outras alternativas.

Notícia Público 26.02.2009





Comentário:

Eu não dizia… seria estranho que tal não acontecesse! As razões de queixa apresentadas pela Quercus até me parecem válidas, mas será que o impacto ambiental negativo será assim tão evidente… Não seria melhor canalizarem-se esforços no sentido de atacar os focos de poluição atmosférica já existentes e bem mais nefastos para a humanidade?

No fim da notícia do Público, a Quercus critica também, os aspectos processuais, admitindo outras alternativas. Em que ficamos? É a construção desta terceira ponte que vai prejudicar o ambiente ou é o local que não é o indicado? As razões ambientais apresentadas, modificam-se pelo facto de a ponte mudar de local?

Não creio! Não entendo…

Foto da Net

GOLDFINGER


4 comentários:

Cata-Vento disse...

Também não entendo,Gold! Parece-me que não há necessidade de uma terceira via rodoviária sobre o Tejo tendo em conta a grave crise por que atravessamos ainda que para isso tenha de haver recrutamento de mão-de-obra e necessariamente uma diminuição na taxa de desemprego.Há, certamente, outras alternativas. No entanto eu não conheço bem as necessidades das populações locais. Nem pontes, nem TGVS, nem aeroportos é o que eu penso.

Beijinhossss mil

Bem-hajas!

elvira carvalho disse...

Como habitante do Barreiro e dado que nos andavam a prometer uma ponte desde os anos 60 e levaram a Vasco da Gama para o Montijo, eu acho bem que venha para cá a ponte, a haver ponte. Por outro lado penso que há coisas muito mais importantes nesta altura que TGVs, pontes e aeroportos, mesmo que isso seja emprego para muita gente. Penso que precisamos de outro tipo de empregos.
Um abraço

São disse...

Vou correr o risco de ser politicamente incorrecta, mas não me importo|

Começo a estar um pouco cansada destes atitudes um tanto idiotas dos ambientalistas: talvez fosse bom lerem o recente livro de Jared e de estudarem um pouco mais!|

Além disso, deixem ao menos cumprir uma promessa feita há muitos anos: a ponte para o Barreiro!|!

Um abraço, meu querido!

Vieira Calado disse...

Aí é que está a questão!

O negócio foi fabricado entre amigos!

Que país é este?...

;)

Vou estar ausente uns dia.

Até lá

Um abraço.